Assuntos Sérios Beleza

Conheça um pouco sobre as vertentes do Feminismo!

12 de setembro de 2017

Inhai gente linda, td bem? Há muito tempo atrás, na verdade em março, eu fiz um vídeo explicando um pouquinho a história do Feminismo, lembram? Não? Vou deixar aqui embaixo o texto pra vocês. Então, naquele vídeo eu tinha prometido que faria outro explicando as vertentes do movimento, mas acabou que o tempo foi passando e nada do vídeo, né? Então, hoje eu decidi trazer para vocês esse conteúdo.

Como eu expliquei no vídeo, o Feminismo assim como qualquer outro movimento tem suas vertentes:

  • Feminismo Radical: Acredita que a raiz da opressão está no sistema patriarcal. Nomes como Shulamith Firestone, Judith Brown e Simone de Beauvoir foram importantes para o movimento. Também conhecido como radfem.
  • Feminismo Interseccional: Acredita que a raça, a classe social e o gênero são motivos para diferentes tipos de opressão. Exemplo uma mulher negra sofre mais que uma mulher branca. Uma mulher com dinheiro sofre menos que uma mulher sem dinheiro. Entre as principais autoras estão Avtar Brah, Anne McClinton e Kimberly Cranshaw.
  1. Feminismo Negro: Defende que a mulher negra sofre muito mais que uma mulher branca pelo simples fato de sua cor da pele. Audre Lorde, Suely Carneiro e Angela Day são algumas das formuladoras dessa corrente do feminismo.
  2. Transfeminismo: Destinada as mulheres trans que foram excluídas por terem nascido biologicamente homens.
  3. Feminismo Lésbico:  Acredita no incentivo das mulheres dirigindo suas energias para outras mulheres em vez dos homens e muitas vezes defendendo o lesbianismo como o resultado lógico do feminismo. Algumas pensadoras e principais ativistas estão Charlotte Bunch, Rita Mae Brown, Adrienne Rich,
  • Feminismo Liberal: Acredita que mulheres e homens só serão iguais se acontecerem reformas públicas (políticas, legais, econômicas e sociais). Mulheres como Hilary Clinton e Emma Watson defendem o feminismo liberal. Mary Wollstonecraft, Betty Friedan, Gloria Steinem e o filósofo John Stuart Mill são alguns de seus formuladores. Também conhecido como libfem.

feminismo-vertentes-feminista-sororidade-me-identifiquei

Eu realmente espero que esse conteúdo ajude a quem ainda tem dúvida sobre o feminismo, seu movimento e suas vertentes. Tenho trazido temas assim para que possam discutir e tentar entender que as mulheres só estão tentando conquistar seu espaço no mundo sem que sejam atacadas por isso. O mundo seria bem melhor se cada um respeitasse o espaço do outro não é mesmo?

Ah, achei um site que tem um teste para você descobrir que feminista você é, olha que legal, vou deixar aqui pra quem tiver curiosidade. Eu fiz e o resultado foi:

“Você defende que a mulher tem o total poder de decisão. Se ela quiser seguir os padrões de beleza e sociais, tudo bem, se não quiser, tudo bem também, afinal, a escolha deve ser dela. Além disso, você acredita que o machismo é prejudicial tanto para mulheres quanto para os homens. Então aqui, um homem pode ser feminista. Uma LibFem acredita, também, que a única forma de se ter igualdade de gênero seria por meio de reformas legais e políticas.Um movimento muito famoso que surgiu a partir do Feminismo Liberal foi a ‘marcha das vadias’ e, com ela, a ideia de ressignificação de termos pejorativos relacionados à mulher. Então, termos como puta e piranha podem ser considerados como sinônimos de empoderamento, afinal, esses adjetivos são atribuídos, normalmente, a mulheres que fazem tudo o que o machismo condena.”

Um beijo dessa que vos escreve,

assinatura Natty Wilde

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply